BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto,será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes , experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos .
Se você leu ,experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog ,ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente,assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo,por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog,não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu ,que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem- vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
OBRIGADA!
VOLTEM SEMPRE!

segunda-feira, novembro 07, 2011

Armando e as diferenças>Literatura> Diferenças e semelhanças> Reflexão e Afins> 07/11/11



Descobrindo semelhanças e diferenças no grupo

Autor: Fatima R.N.Dias
Co-autores: Gláucia C. A. Diniz; M.R.Alves Pereira; Liliane dos G. A.Nunes; Lucianna R. de Lima
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
1. Perceber características dos colegas, identificando semelhanças e diferenças entre eles.
2. Reconhecer que as semelhanças e diferenças entre as pessoas enriquecem as relações interpessoais.
3. Valorizar e respeitar os modos diferentes de ser, de agir e de pensar de cada um nos diversos contextos sociais.
Duração das atividades
Duas aulas de 50 minutos.
 Estratégias e recursos da aula
1° Momento:
Jogo com bola: semelhanças e diferenças
O professor deverá levar os alunos para fora da sala de aula e solicitar que se organizem em uma roda. Pedir para eles se olharem, prestando atenção nas características do outro: cor de cabelo, dos olhos, da pele, altura, acessórios (óculos, brincos, relógios, roupas...) e outras.
Prosseguir até perceber que todos se familiarizaram com este tipo de percepção.
Propor, então, o seguinte jogo: Na 1ª rodada, um aluno de cada vez deverá escolher um colega para jogar a bola, dizendo uma característica semelhante entre eles
(Por exemplo: Eu jogo a bola para o Pedro, porque nós dois usamos óculos, ou porque temos cabelo curto...).
Não pode repetir a característica e nem o colega.
(Professor, nesse momento, os alunos exercitam a memória; a capacidade de atenção e concentração; a percepção de seus sentimentos, emoções; a flexibilidade do pensamento - no sentido de ter que abrir mão do colega ou da característica escolhidos anteriormente e pensar em outras possibilidades).
Quando todos já tiverem jogado e recebido a bola, inicia-se a 2ª rodada.
Cada aluno deverá devolver a bola para o colega que o escolheu na 1ª rodada, dizendo uma característica diferente entre eles.
Novamente, não pode repetir a característica
(Ex: Pedro devolve a bola para o colega, porque é baixo e ele é alto).
E assim, sucessivamente, até que todos retornem a bola para os colegas que os escolheram na 1ª rodada.
Em seguida, o professor deverá abrir espaço para que os alunos comentem sobre o que foi vivido no jogo: o que sentiram, como foi considerar-se parecido com o outro, como cada um se sentiu quando foi escolhido, se concordam ou não com as semelhanças e diferenças que lhe foram atribuídas.
 Poderá, ainda, lançar questões tais como:
É mais fácil buscar semelhanças ou diferenças entre vocês?
 Por quê?
Será que somos semelhantes e diferentes apenas fisicamente?
Além das características físicas, também temos semelhanças e diferenças quanto ao jeito de ser, ao que gostamos e ao que não gostamos?
No dia a dia, como é conviver com as diferenças?
Conseguimos respeitar as pessoas que são diferentes de nós?
Como temos lidado com isto?
2º Momento:
Dinâmica: Planeta Eu
Cada aluno receberá a seguinte folha, que deverá ser respondida individualmente:
Do que mais gosto                   Do que não gosto
na escola
na minha casa
na internet
de ler
dia da semana
comida
lugar
filme
programa de tv
esporte
música/gênero musical
cantor/a
Ao término desta etapa, os alunos deverão formar duplas e compartilhar o que responderam em relação a cada item, observando respostas semelhantes e diferentes relativas ao que gostam e também ao que não gostam.
3° Momento:
O professor deverá instigar os alunos a estabelecer relações entre o 1° e o 2º momentos vivenciados por eles: jogo com a bola e a atividade “Planeta Eu’, no sentido de perceber que apesar de sermos únicos, existem semelhanças e diferenças entre as pessoas, para além das características físicas, que devem ser valorizadas, respeitadas e consideradas como formas de enriquecer as relações interpessoais.
Recursos Complementares
Caro professor, você poderá acessar o sítio


Onde encontrará um vídeo animado sobre relacionamento.

No sítio:

Você poderá utilizar o vídeo Lola e Virgínia que possibilita o debate acerca de como lidar com as diferenças para cumprir a difícil missão de Caça ao Tesouro.

Avaliação
A avaliação deverá ser contínua, processual, diagnóstica.
Auto-avaliação dos alunos (oral ou por escrito): Participação individual, em duplas e em grupo (jogo e debate).
Avaliação dos alunos pelo professor:
Envolvimento e participação dos alunos nas atividades propostas.
Respeito aos momentos de fala e escuta e às opiniões dos colegas.
Capacidade de percepção de si e do outro.


 
 
NOSSAS SEMELHANÇAS,
NOSSAS DIFERENÇAS:
Cada criança é única
(características físicas, étnicas)

Autor:  Regina Maria
Co-autor: Raimunda P. Ribeiro
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
■Tomar consciência de si como pessoa com características físicas e comportamentais. ·
■ Identificar as características físicas de cada um componente do grupo;
■ Procurar no grupo, crianças com características similares;
■ Analisar imagens de crianças e escolher aquelas com as quais se parece.
■Aumentar a autoconfiança e auto-estima;
■ Descrever as peculiaridades de cada criança do grupo e procurar respeitar cada uma como ela é;
■Conhecer a história de cada criança do grupo.
Duração das atividades
2 aulas de 40 minutos cada.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Cor de pele, de cabelo, de olhos, forma do rosto e dos olhos, comprimento e textura de cabelo.
Estratégias e recursos da aula
Atividade 1: Descrição de si próprio e do outro
1º momento - O professor deve trazer um espelho para o espaço da roda e orienta os alunos, dizendo o que devem fazer.
Explica como olhar-se no espelho e falar as suas caracteristicas em voz alta: Cada criança diante de sua imagem vai fazendo sua descrição:
■Cor, textura, comprimento do cabelo (se o cabelo é louro, castanho, ou preto; se é liso, cacheado ou crespo; se é curto ou comprido); como é o corte, como penteia;
■Cor dos olhos (preto, azul, verde ou castanho); tamanho (olhos grandes ou pequenos, formato (arredondados ou puxados), se usa óculos;
■Cor da pele (branca, negra, morena ou parda);
■formato do rosto, do nariz, como são os lábios, o queixo, as orelhas, sobrancelhas.
■Com quem se acha parecido(a), com a mãe ou com o pai ou com outra pessoa de seu afeto
■Descrever a roupa que está vestindo;
2º momento - O professor orienta as crianças para registrar a observação, desenhando a sua imagem no espelho.
Em seguida apresenta para os colegas, fazendo os comentários pessoais.
Atividade 2: Observar os colegas e escolher um parecido consigo.
1º momento - O professor orienta cada criança para observar os colegas e escolher aquele que acha mais semelhante a si, em seguida fala em voz alta, o que há no colega que lhe faz lembrar.
Dando continuidade, forma uma dupla para trabalhar, combinando um desenho que gosta de fazer.
Atividade 3: Pesquisar imagens de crianças
1º momento - O professor divide as crianças em grupo, para fazer uma pesquisa sobre imagens de crianças e destacar aquelas que parecem com os membros do grupo.
Cada grupo apresenta o resultado da pesquisa aos demais colegas.
É importante que o professor conduza uma discussão, proporcionando aos alunos a possibilidade de fazer comparação entre as imagens pesquisadas e suas semelhanças com as crianças do grupo.
Na exposição, as crianças dizem para as outras com quem a imagem escolhida se parece e por quê.
2º momento - As crianças devem pesquisar a origem das características étnicas das imagens destacadas e fazer uma discussão no grande grupo, observando as diferentes etnias existentes na sala de aula.
A partir desse fato, o professor conta para as crianças como se formou o nosso povo brasileiro.
A história de formação do nosso povo reflete as características de nossas crianças, essa tese desemboca nos argumentos desenvolvidos em sala de aula.
3º momento - O professor orienta as crianças para fazer um inventário sobre a sua história de vida, vinculada a história de seus pais e de sua família.
Sugestão para o tema: “Quem sou eu”, criança tem história.
Assim, cada criança escreve um caderno de dez folhas (o professor divide um papel oficio ao meio, recorta e monta, colando as páginas, essa atividade é feita em vários dias) a composição do caderno é uma negociação entre o professor e os alunos, mas antes da elaboração eles planejam o que será escrito e ilustrado em cada página.
Recursos Complementares
Bibliografia
COLL, C. TEBEROSKY, A. Aprendendo história e geografia: conteúdos essenciais para o ensino fundamental de 1ª a 4ª série. São Paulo: ed. Ática, 2000.
BRASIL, Ministério da Educação e Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais para a educação infantil. 3v. Brasília: MEC/SEF, 1998.
ALMEIDA, H. Todo o mundo é diferente. Belo Horizonte: Editora Lê,1996.
Avaliação
O professor avalia antes do inicio do tema para diagnosticar o que sabem os alunos e ter certeza do que aprenderão durante o processo de ensino-aprendizagem;
Durante o processo, a avaliação serve para verificar como as crianças estão entendendo as orientações para identificar as características físicas de cada componente do grupo e procurar crianças com características similares, considerando a sua cor da pele, a cor dos seus olhos, a textura do seu cabelo e o jeito de ser criança;
Analisar imagens de crianças e escolher aquelas com as quais se parece; Aanalisar a autoconfiança e auto-estima; como descreve as peculiaridades de cada colega; se os respeita como eles são; se conta sua história e se ouve a historia do outro.
No final da aula se faz a avaliação para analisar as habilidades dos alunos e conhecimentos adquiridos referentes a suas características e comportamentos, as crianças fazem auto-avaliação recorrendo as suas lembranças sobre as suas ações.




Armando e as diferenças

Literatura
Armando e as diferenças
Autor: Mônica Guttmann
Ilusrador: Mirella Spinelli
Editora Paulus

Armando, nesta aventura, se depara com as diferenças, tão comuns no mundo em que vivemos. Diferenças de crenças, de etnias e nas formas de ver o mundo.
Mas em tudo percebe-se que os direitos iguais devem ser preservados, sem distinção e promovendo, acima de tudo, a igualdade.
Armando terá um feliz encontro com a Curiosidade, amizade que o levará a vários mundos e alimentará seu desejo de nunca parar de aprender.
O livro traz exercícios para a sala de aula que ajudarão na compreensão da riqueza das diferenças.

Veja projeto deste livro:





Linguagem recomenda
Armando e as diferenças

Armando havia descoberto a importância dos
sonhos e a grandeza do tempo...
Mas nem todo mundo vê a vida
da mesma maneira.
Cad um tem seu próprio jeito de escolher
e viver suas histórias...
 Por que tanta gente não aceita quem pensa e enxerga
 o mundo de uma maneira dferente?


As letras,os sonhos, o tempo e o espaço ajudam Armando
 a entedner que a vida é feita de surpresas...
E que todos estamos mergulhados nela para nos ajudar
 a crescer e a criar um mundo cada vez melhor.
Com todas as diferenças e semelhanças!

























Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Blog Widget by LinkWithin

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios