BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

quinta-feira, julho 23, 2015

Cadê seu peito mamãe?>Estímulos sensíveis>Informativos>23/07/2015

O livro retrata o delicado relacionamento entre mãe e filho
durante o tratamento de um câncer
Ivna C.Maluly
Elias no auge da sua inocência infantil percebe que tem algo errado quando a mamãe e o papai não voltam mais regularmente para casa, quando o fazem não estão mais felizes como costumavam ser e depois que a mãe fica internada durante algum tempo no hospital. Mas, como estava nas companhias dos seus avós e de seus queridos primos, ele não deu muita importância, apesar de saber que algo estava errado. E depois que a sua mamãe volta para casa e ele a encontra no banho, descobre uma coisa: cadê seu peito, mamãe?
Quantas mães não passaram por essa situação com seus filhos, com a única diferença que não sabiam como lidar com as perguntas? A autora vem de forma muito delicada mostrar um dos caminhos. Esse não é o único, mas os pais devem ser sinceros com os filhos de todas as maneiras e abordarem o tema de modo que a criança consiga compreender e que não coloque um peso desnecessário em cima dela. Outro ponto importantíssimo nesse livro lindo é o apoio que as mulheres precisam receber nesse momento crucial. Não apenas de ter o carinho inocente de suas crianças. Mas receber o carinho do seu esposo, da família, amigos. Das pessoas que amam. Alguém que já leu pelo menos uma matéria que trate sobre o assunto sabe o quanto a baixa estima de uma mulher baixa depois de todo o tratamento quimioterápico. O amor nessas horas é simplesmente a barra de sustentação para que ela continue a viver.
Um livro LINDO, com uma história apaixonante, devidamente ilustrado para que cada sentimento fosse exteriorizado da maneira correta. Nas horas que eu tinha que me emocionar, isso aconteceu. Nas horas que eu tinha que dar um sorriso pelas perguntas do Elias, eu o fiz. Mas as expressões dele são tão bem feitas, tão bem idealizadas que você consegue imagina – lo direitinho. Completamente bem expresso nas cores e nos traços dos desenhos. Uma história de amor muito bem contada, que tem o efeito não apenas de passar essa mensagem, mas de informar uma criança sobre assuntos que a sua família está passando e que não deixa de ser uma forma de incentivo a leitura.
Fonte: AQUI
Ilustrado por Camile Carrosine
Segundo a jornalista, por mais que o câncer seja uma doença difícil de encarar, é importante nunca esconder nada dos filhos nem da família. “A criança pode se sentir culpada e triste pode não entender o que está acontecendo”, afirma. Ela conta que sentiu essa diferença quando escondeu do filho que a avó estava com câncer de mama. Elias começou a ter diversas alergias no corpo e nada sarava. Até que um dia a dermatologista perguntou se estava acontecendo algum evento importante na família, algo relacionado a doença, e a especialista sugeriu que podia ser algo de fundo emocional.
“Eu decidi contar que a vovó estava doente, mas que tudo ia ficar bem na medida do possível. Então ele melhorou. Quando eu adoeci, não quis repetir a mesma história e sempre fui contando a verdade. As crianças têm uma capacidade incrível de se adaptar a mudanças.”
Vejam a autora contando sobre o livro





Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios