BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

domingo, janeiro 13, 2013

Os bigodes do palhaço > Estímulos circenses e literários > Garoto Cósmico > 13/01/13


Os bigodes do palhaço
de Wagner Costa

Era uma vez uma turma de meninos e meninas batendo palmas e gritando assim:
-começa
-começa
-palhaço
-queremos o palhaço
Então o palhaço apareceu e gritou: _ eu sou o palhaço bigodudo.
E ninguém bateu palma pois ele não tinha bigode.
Ele não ligou para o silêncio e falou assim:
_ eu vou abrir esse guarda chuva e haverá mil bigodes.
Então ele abriu o guarda chuva e virou ele e falou:
 _ vou pegar um por vez e mostrar para vocês.
Aleluia, tirou o primeiro:
 _ esse é o bigode perguntador, bigode curioso.
 Este de pelinho arrepiado é o assustado, tenho a impressão que ele viu assombração.
Ele pegou outro bigode do carrossel: _ nas pontas deste bigode que não para de falar.
Aleluia colocou o tagarela sobre os lábios e desatou a falar.
O Palhaço fez tanta folia que o chorão parou de chorar.
Viva a alegria, viva a fantasia, viva tudo e o Chico barrigudo e viva eu o palhaço Bigodudo!
No circo, a garotada gritava impaciente:
–– Começa! Começa!
Estavam querendo ver logo o famoso palhaço bigodudo. Então, ele apareceu...
Surpresa! Espanto!
Todo mundo estranhou.
Não é que o palhaço bigodudo entrou no palco... sem bigode nenhum?
Como é que pode?
A garotada ia descobrir que os bigodes do palhaço bigodudo não eram como os de um bigodudo qualquer, não. Eram bigodes... malucos!


            PROPOSTAS DE ATIVIDADES
a) antes da leitura
Ao ler, mobilizamos nossas experiências para compreendermos o texto e apreciarmos os recursos estilísticos utilizados pelo autor.
Folheando o livro, numa rápida leitura preliminar, podemos antecipar muito a respeito do desenvolvimento da história.
As atividades propostas favorecem a ativação dos conhecimentos  prévios necessários à compreensão do texto.
Explicitação dos conhecimentos prévios necessários para que os alunos compreendam o texto.
Antecipação de conteúdos do texto a partir da observação de indicadores como título (orientar a leitura de títulos e subtítulos), ilustração (folhear o livro para identificar a localização, os personagens, o conflito).
Explicitação dos conteúdos que esperam encontrar na obra levando em conta os aspectos observados (estimular os alunos a compartilharem o que forem observando).
b) durante a leitura
São apresentados alguns objetivos orientadores para a leitura, focalizando aspectos que auxiliem a construção dos significados do texto pelo leitor.
Leitura global do texto.
Caracterização da estrutura do texto.
Identificação das articulações temporais e lógicas responsáveis pela coesão textual.
c) depois da leitura
Propõem-se uma série de atividades para permitir uma melhor compreensão da obra, aprofundar o estudo e a reflexão a respeito de conteúdos das diversas áreas curriculares, bem como debater temas que permitam a inserção do aluno nas questões contemporâneas.
Compreensão global do texto a partir da reprodução oral ou escrita do texto lido ou de respostas a questões formuladas pelo professor em situação de leitura compartilhada.
Apreciação dos recursos expressivos mobilizados na obra.
Identificação dos pontos de vista sustentados pelo autor.
Explicitação das opiniões pessoais frente a questões polêmicas.
Ampliação do trabalho para a pesquisa de informações complementares numa dimensão interdisciplinar ou para a produção de outros textos ou, ainda, para produções criativas que contemplem outras linguagens artísticas.  
Antes da leitura:
1. Converse com as crianças a respeito do circo. Quem já foi a um?
Quais os números que, em geral, compõem o espetáculo? E os palhaços, o que eles fazem?
 2. Chame a atenção para o título do livro, Os bigodes do palhaço.
Pergunte a elas o que imaginam que irá acontecer aos bigodes do palhaço.
A ilustração da capa dá alguma dica?
Durante a leitura:
1. Leia o texto da quarta capa para seus alunos e estimule-os a encontrar respostas para as questões levantadas no próprio texto:
• Como pode ser um palhaço bigodudo sem bigodes?
• De que tipo eram esses bigodes que não eram como outros quaisquer?
2. Peça que eles prestem atenção no jeito de o palhaço Aleluia falar.
 Depois da leitura
1. O palhaço bigodudo sabe como manter a platéia atenta a seu número.
Inicialmente, nem se importa com o desapontamento da platéia quando descobre que ele não tem bigodes.
 Depois, faz um suspense danado até mostrar os bigodes que esconde no guardachuva.
Ricardo Girotto, criador das coloridas ilustrações do livro, potencializa mais ainda o suspense pela maneira como explora os planos, é, a parcela de realidade recortada pelo desenho:
• nas páginas 6 e 7 há o close do rosto do palhaço e vemos apenas o cabo do guarda-chuva;
• nas páginas 8 e 9 vemos o palhaço de corpo inteiro, mas o guarda-chuva está fechado;
• nas páginas 10 e 11 há um big close: vemos a boca, o nariz e parte dos olhos muito aumentados, com a intenção de frisar que ele não tem bigode algum;
• na página 13 há um close da mão do palhaço, que segura o cabo do guarda-chuva;
• nas páginas 14 e 15 vemos o guarda-chuva sendo aberto, mas não dá para ver bigode algum;
• nas páginas 16 e 17, vapt-vupt, vemos o guarda-chuva aberto e os bigodes à vista.
2. Escreva, em fichas, cada um dos tipos de bigode citados na história e o lugar em que foram afixados pelo palhaço. Por exemplo:
BIGODE PONTO DE INTERROGAÇÃO
Embaralhe todas as fichas e desafie os alunos a organizá-las em pares, desenhando o bigode correspondente.
3. Ao terminar seu número o palhaço cantou:
Viva a alegria!
Viva a fantasia!
Viva tudo!
E o Chico barrigudo!
E viva eu o palhaço bigodudo!
• A letra da música que o palhaço canta se baseia na parlenda:
VIVA EU
VIVA TUDO
VIVA O CHICO
BARRIGUDO
Ensine-a para seus alunos e peça que identifiquem quais as palavras da parlenda também aparecem na canção.
• Organize a turma em grupos e proponha a eles criar uma música para a canção do palhaço: vale uma melodia conhecida.
Depois que tiver ensaiado, cada grupo canta para a turma a sua versão musicada.
Se possível, grave as apresentações.
4. Quando todo mundo pensava que o número tinha acabado, o palhaço aparece de novo.
Quando todo mundo pensava que o número tinha acabado, o  palhaço aparece de novo, dançando todo folgado com um guarda- chuva fechado, convidando todos a desenhar outros bigodes para ele.
Veja se seus alunos percebem que, no final, o palhaço conquistou toda a platéia, que bate palmas e aceita o convite.
5. Nas páginas 45 e 46, o palhaço bigodudo deixa um bilhete para os leitores do livro.
Peça para seus alunos relê-lo.
Em seguida, convide- os a aceitar o convite e desenhar bigodes mil!
Organize a turma em duplas e promova o sorteio dos bigodes sugeridos na página 47.
Além de desenhar o tipo sorteado, deverão inventar um outro de sua livre escolha.
Disponibilize cartolina, canetas coloridas, tintas e outros materiais, e deixe a imaginação rolar solta.
Para finalizar, é preciso um guarda-chuva, ou vários, se os bigodes forem muitos, para organizar a Mostra da Bigodeira.
6. Leia para os alunos a seção Autor e Obra e chame a atenção para a montagem que foi feita a partir de uma fotografia do autor:
Wagner Costa virou Aleluia, o palhaço que quer ser quando ficar velho.
Peça para os alunos selecionarem uma foto (vale também uma fotocópia) para transformá-la em um palhacinho.
Peça para recortarem o rosto e desenharem os cabelos, a roupa...
E como vai chamar o seu palhaço?
Não se esqueçam de batizá-lo.
Concluída a atividade, monte um colorido painel com todos os trabalhos da turma. Ah! É claro quenão pode faltar o seu retrato...
Os alunos vão adorar!


O circo vem aí!
Trabalhe atividades circenses com seus alunos e faça do mundo da fantasia uma ponte para a aprendizagem
Objetivos:
★ Trabalhar a linguagem corporal, a coordenação motora e o equilíbrio.
★ Compreender o universo do circo.
★ Autocontrole corporal.
Faixa etária: a partir dos 3 anos.
Qual criança não se encanta pelo mundo do circo? Pensando nesse interesse genuíno pelo mundo dos palhaços, das acrobacias e da fantasia, os professores Carla Castro e Jander Martins, da Escola Municipal de Educação Infantil Amiguinho, em Campo Bom(RS), desenvolveram um projeto com seus alunos com base no espetáculo Alegria, do Cirque Du Soleil.
"As atividades relacionadas ao tema circo foram organizadas de acordo com cada área de conhecimento.
As atividades de Educação Física, por exemplo, objetivaram proporcionar situações em que cada uma das crianças pudesse ter a experiência vivenciada na rotina de uma companhia de circo, no caso, o Cirque Du Soleil", conta Carla.
Segundo os professores, as atividades mais apreciadas pelas turmas do Jardim A envolviam situações: de equilíbrio, sustentação, autocontrole corporal e movimentos acrobáticos.
Além de grande parte das crianças conseguir, de alguma forma, executar os movimentos e as situações em que eram desafiadas a cumprirr.
Como mecanismo de incentivo, todos os momentos eram realizados ao som das músicas originais da Companhia Cirque Du Soleil, em especial as referentes ao espetáculo Alegria.
Como previsto no projeto, algumas atividades tradicionais foram realizadas com muito apreço pelas crianças.
Entre elas, destacamos as seguintes:
Equilibrar-se em banco sueco: na qual, cada criança, com os braços estendidos horizontalmente, caminha sobre uma barra de madeira sustentada em torno de 30 cm do chão.
Bambolê: é desenvolvida em pequenos grupos de, no máximo, cinco crianças.
Cada grupo é desafiado a realizar uma manobra de destreza com seu bambolê, ora, utilizando-os na cintura, ora, em um dos braços ou em uma das pernas.
Esta atividade é a preferida das meninas, pois, todas ficam encantadas com um dos atos realizados na apresentação do espetáculo Alegria, em que uma ginasta realiza movimentos de destreza com o bambolê.
Caminhar em cima de corda: também é desenvolvida com a participação individual de cada criança, locomovendose sobre uma corda estendida no chão.
Igualmente, é uma das atividades preferidas das crianças.
Equilibrar bolas de plástico com os pés: envolve a participação, ora individual, ora em duplas.
As crianças deitam sobre um banco de madeira, elevam ambas as pernas, tentam permanecer com elas eretas e a professora coloca na planta de seus pés as bolas de plásticos.
O objetivo das crianças é sustentar e equilibrar o máximo de tempo possível as bolas nessa posição.
Dica esperta!
Outro momento importante do projeto é o estudo do corpo humano, instrumento usado pelos artistas circenses em suas apresentações.
Dica esperta!
Como projeto final, as crianças podem apresentar para os pais e para a comunidade um espetáculo de circo. Cada uma responsável por um número que mais gosta.
Dica de leitura!
★ Garoto Cósmico - Uma Aventura que Gira Mundos!
A aventura de Cósmico, Luna e Maninho começa no alto universo, no ano de 2973.
Eles vivem no Planeta das Crianças, em um mundo futurista onde a vida é totalmente programada.
Para conseguir um bônus na escola, resolvem se aventurar pelo espaço e acabam se perdendo.
 É quando os três amigos descobrem o universo infinito do pequeno circo de um andarilho cósmico chamado Giramundos.
Só que, em pouco tempo, o mundo da programação envia um representante para resgatar as crianças e um desafio é lançado: jogar um game em que seus inimigos são toda a trupe do circo.
E agora, como Cósmico, Luna e Maninho irão escolher os seus caminhos?
Autor: José Paes de Lira Alê Abreu
Garoto cósmico
Atividades
http://www.filmedepapel.com.br/pagina.php?id=213



O 'Garoto Cósmico' possui uma proposta educativa para as crianças. Brincadeiras com cores, sons, formas, definições, entre outras, aparecem de maneira instrutiva instigando a curiosidade e imaginação infantil. Para a versão em DVD foram incluídos alguns extras. Além do trailer e do making of, são apresentados clipes de trechos extraídos do filme. As composições são de Gustavo Kurlat e contaram com interpretações de artistas como Arnaldo Antunes, Vanessa da Mata (que participa também da dublagem dando voz à personagem circense Bailarina), Wellington Nogueira e Raul Cortez cantando.




"A nuvem é leve mesmo com forma de elefante, é branca mesmo sendo uma árvore.
A nuvem que até pouco era um avião, virou um coração, depois um pássaro.
O operário construtor da casa de nuvens é o ar.
A nuvem pode ser estrela, pode ser lua, pode ser um gato, pode ser um trator...
Aquela nuvem que era um golfinho, entre o dinossauro e a tartaruga de óculos, virou uma zebra, depois uma embarcação.
– Vejam, a minha avó numa cadeira de balanço. - Apontou o palhaço.
Com uma luneta de nuvem, dá pra ver a entrada de outro vagão.
Cósmico, Luna , Maninho e o palhaço Já-Já, abrem a nova porta."
http://maravilhas.multiply.com/reviews/item/7?&show_interstitial=1&u=%2Freviews%2Fitem
Cósmico é um garoto que vive no espaço, no futuro dsitante, e tem o cotidiano todo programado: hora de dormir, escovar os dentes, tomar banho, fazer aula de natação, comer. Ele mora no Planeta das Crianças e precisa computar pontos para se tornar um “adulto complexo”.
Certa noite, porém, ao lado dos amigos Luna e Maninho, ele se desvia da programação, perde-se no espaço e cai em um universo esquecido: o do circo do Giramundos, onde um velhinho muito simpático vê diversão em tudo. Depois de muita brincadeira e novas experiências, o mundo da programação envia um representante especial para resgatá-los.
Essas cenas do filme foram então congeladas e viraram as ilustrações nas páginas do livro. Além de uma história deliciosa, envolvente e cheia de aventuras para as crianças, a obra conta com uma sessão Making Of, que conta em detalhes em detalhes a história da produção do filme, da criação dos personagens e do roteiro, até a exibição nas salas de cinema.
Como curiosidade, o animado foi feito de maneira tradicional, com uso de computador apenas para colorização e montagem, levando sete anos para ser concluído - cerca de dois minutos de produção por mês. Para cada segundo de filme, foi necessário desenhar 12 quadros. Garoto Cósmico marcou a estréia em um longametragem do diretor Alê Abreu, que recebeu prêmio no Anima Mundi 1998 com o curta Espantalho. Ele também fez ilustrações para outros livros infantis, como o clássico O Mistério do Cinco Estrelas, de Marcos Rey
http://nomundoanimado.blogspot.com.br/2008/10/literatura-garoto-csmico.html
Tudo sobre o DVD
http://www.2001video.com.br/produto/dvd-garoto-cosmico-17679.html





Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios