BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2016
7 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

sábado, setembro 03, 2016

Crise financeira na floresta+ A cigarra e a formiga+Estímulos literários>03/09/2016

    Escuto por aí muitos "adultos" falando sobre a crise que assola o Brasil. Mas se uma criança perguntar o que é uma crise e como ela começou, este adulto saberá responder?

     Então é melhor você conhecer a "CRISE FINANCEIRA NA FLORESTA".

     Lembra daquela velha história da Cigarra e da Formiga?

     Pois bem, aqui ela é recontada de forma com que seja de fácil entendimento o motivo que uma crise começa, como você entra nela e principalmente, como evitar que ela te atinja.

     Assim como na história original, aqui a Formiga também é trabalhadora e durante todo o verão ela juntava suas folhinhas.

     A Cigarra, malandra demais, vivia pedindo umas folhinhas emprestada, um dia ela paga...

     Mas na verdade esse golpe a Cigarra dava em vários outros animais da floresta, mas pagar que é bom, nada.

     Também conta como outros animais ganham suas folhinhas com seu trabalho e como funciona o Banco do Seu Macaco. Principalmente como funciona o juros estabelecido por este Banco.

     Como a criança pode economizar para conseguir o que deseja... Enfim, são muitas as lições de economia, ensinadas de modo simples, e o melhor, com poesias.

     As ilustrações são muito coloridas e deixam ainda mais bonito e lúcido toda essa história.

     Além disso, ainda vem com um apêndice em anexo com reflexões sobre o livro e com perguntas para a criança responder.

     Um livro que se a criança não tem acesso no período escolar, com certeza deve ser lido em casa.

     Recomendo para crianças de 7 a 12 anos e para adultos que querem ensinar as crianças sobre economia de forma rápida e bonita.

     Ensinar também é uma forma de amar!!

crise financeira

Crise financeira na floresta
Este livro de educação financeira para crianças ensina, de forma lúdica e divertida, a importância do trabalho, do poupar e investir, e o impacto das dívidas e do consumismo. 
Traz conceitos sobre empreendedorismo e trabalha valores como honestidade e ética. 
Indicado para crianças de 7 a 12 anos, esta história pode ser útil para qualquer um que queira entender como se forma uma crise financeira e seus impactos. 
É fundamental ensinar, desde cedo, valores de educação financeira às crianças para que se tornem adultos e cidadãos responsáveis, bem-sucedidos e éticos ao lidarem com o dinheiro.

Acigarra e a formiga do mundo real
Educação financeira
Desdobramentos
A cigarra e a formiga
Enfoque dia do trabalho
Aula


Atividade artística

Tudo sobre a cigarra
Sobre a obra
Livro escrito em rimas que explica de forma lúdica como acontece uma crise financeira. Traz conceitos sobre dívida, empréstimo, juros e empreendedorismo de forma divertida através de personagens da floresta. 
Veja trechos – ‘A Cigarra devia mais à Formiga, mas também tinha fiado com a Borboleta, com a Minhoca e até com o Bicho Preguiça. E repetia o velho discurso – – Seu Tatu, não fique jururu! Dou minha palavra de animal, pago folha por folha, os juros etc. e tal. Mas para o senhor ficar tranquilo e não achar que foi uma fria, vamos fazer algo em sigilo, dou minha viola em garantia!’ E a história da famosa viola ia formando uma bolha.

“- Se você não quer problema
e tampouco dissabor,
siga sempre o velho lema,
não empreste a mau pagador!” (p. 07).

“- E me faça um favor:
não fique devendo fiado.
Digo com amor,
seu nome é seu maior legado” (p. 15).


Quem não conhece a fábula " A Cigarra e a Formiga" ? Enquanto a Formiga dava duro trabalhando a Cigarra preguiçosa vivia pedindo emprestado. Claro que a dívida foi crescendo e ficando conhecida por toda a floresta. 
"- Dona Formiga, fique tranquila. Se um dia eu não lhe pagar folha por folha do que devo, tem minha viola como garantia!"
E o Seu Macaco era muito esperto mesmo, pois tinha um Banco de Folhas e todos os bichos guardavam suas folhas lá e se ficassem por uma estação recebiam mais uma folha como retribuição. Mas se pedisse emprestado tinha que pagar no mesmo período " uma folha e meia a mais" de juros. Viram como é melhor economizar?
Mas para pedir emprestado não era tão fácil assim. "Tinha que ser avaliado pelo seu Macaco".Ele só emprestava para quem tinha bom nome na praça.
Borboleta gastava mais do que podia e estava sempre devendo. 
Já Seu João-de-Barro em troca de folhas construía casas para seus clientes e "colocava no banco para render juros."  Seu Macaco fazia negócios com ele indicando quem precisava de uma casa. Viram como um ajuda o outros e todos ficam satisfeitos? E o melhor é que seu João ensinava ao seu filhote como economizar sua mesada não gastando na cantina.
E ele via a Joaninha gastar o que tinha e mais no lanche. O certo é economizar a mesada e não criar dívidas deixando a mamãe enlouquecida.
E assim segue nossa história entre empréstimos e dívidas além da famosa viola que a Cigarra dava como garantia formando uma bolha que crescia a ponto de estourar a qualquer momento. O que será que vai acontecer?








Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios