BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2016
7 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

domingo, junho 16, 2013

Alfabeto de histórias > Estímulos literários variados > 16/06/13


Uma proposta lúdica, que procura instigar a leitura de texto e imagem

Alfabeto de Histórias
Autor: Gilles Eduar
Editora: Ática

SÃO 23 HISTÓRIAS (UMA PARA CADA LETRA DO ALFABETO), QUE ENFATIZAM E BRINCAM COM O SOM DE CADA LETRA. TODAS NARRATIVAS CURTAS - E UM POUCO AMALUCADAS - QUE SE PASSAM EM GRANDES CENÁRIOS (A HISTÓRIA DA LETRA A NO AEROPORTO, A DA B NA BIBLIOTECA, A DA C NO CIRCO...). CADA HISTÓRIA ACOMPANHA UMA ENORME ILUSTRAÇÃO QUE ESCLARECE OS VOCÁBULOS DESCONHECIDOS DO LEITOR E INCLUI SITUAÇÕES DIVERSAS QUE POSSIBILITAM A CRIAÇÃO DE NOVAS CENAS. UM LIVRO QUE, DE MANEIRA AMPLA E MUITO DIVERTIDA, CONVIDA AS CRIANÇAS A PERCEBEREM QUE LER É TAMBÉM DAR SIGNIFICADO AO CONTEXTO, A SÍMBOLOS, DESENHOS E FIGURAS.

Atividade 01: roda de leitura
Objetivos: proporcionar ao aluno a reflexão diante da intenção do autor.
Estratégia: através do manuseio do livro, o aluno poderá compartilhar as imagens para uma melhor conclusão relacionando a intenção do autor.

Atividade 02: texto coletivo com intervenção do professor.
Objetivos: proporcionar a criança a desenvolver o interesse pela leitura e conhecer o alfabeto com textos curtos e em letra maiúscula.
Estratégia: entregar os livros para os alunos e trabalhar primeiramente a capa após trabalhar os sons de cada letra do alfabeto.

Atividade 03: alfabeto/ palavras
Objetivos: proporcionar ao aluno a compreensão do alfabeto (26 letras), como um todo, reescrevendo.
Estratégia: relacionar o alfabeto com o cotidiano, fazendo com que o aluno perceba a importância das palavras e das letras, proporcionando a escrita correta através da visualização da leitura e durante todo o ano através do arquivo de leitura.

Atividade 04: organização do projeto através da reescrita
Objetivos: avaliar o projeto, familiarizando o aluno com a escrita e reescrita do que foi trabalhado durante a leitura do livro, estimular a observação, ampliar o vocabulário e incluir o leitor como participante das histórias.
Estratégia: relacionar a proposta do livro com a compreensão do aluno, trabalhando a reescrita, pedindo que o aluno desenhe a capa do livro, em seguida que escolha as partes que queira refazer, pesquisar alguns animais que aparecem na história.

http://www.colegiosantateresa.net.br/projeto/Alfabeto-de-Historias/74.aspx









1. Possibilidades Pedagógicas
1. Estimular a leitura entre aqueles que estão descobrindo a escrita por meio de atividades lúdicas e interativas.
2. Favorecer o aprendizado da escrita (sistema da base alfabética, da correspondência som/letra) e da linguagem escrita (o texto narrativo, seus elementos e sua estrutura).
3. Exercitar a atenção sobre a (não) correspondência bi-unívica entre som e letra e, por conseqüência, observar regularidades e irregularidades na escrita de palavras: “ELA JÁ HAVIA COMIDO QUATRO QUILOS DE QUEIJO E UMA QUANTIDADE ENORME DE QUITUTES, QUANDO PAROU NO QUIOSQUE DO QUATI.” (p. 36)
4. Favorecer a produção de texto, oral ou escrito: ampliação ou criação de textos narrativos: “A mesma imagem pode render muitas histórias diferentes. Tente e invente.“ (p. 62: “Dicas de como brincar com o alfabeto de histórias”).
5. Ampliar vocabulário, conhecendo novas palavras e inferindo o seu significado pelo contexto visual.
6. Estimular a observação de detalhes visuais – tanto nas ilustrações quanto nas palavras escritas – a partir de comandas que desafiam a busca de soluções das situações problematizadas: “ Tem comidas gostosas e brincadeiras divertidas nesta quermesse. Você consegue encontrá-las? “ (p. 37)

2. Abordagens Interdisciplinares
LÍNGUA PORTUGUESA
• correspondências entre fonemas e letras, segundo Miriam Lemle1:
– bi-unívocas: p=/p/; b=/b/; t=/t/; d =/d/; f=/f/; v=/v/; a=/a/
– uma letra representando diferentes sons, segundo a posição: “DE REPENTE A RAPOSA RITA REPAROU NA RARÍSSIMA RÃ ROXA. (...) A RÃ RESOLVEU REFUGIAR-SE ENTRE AS RAÍZES DA RESTINGA.” (p. 38);
– um som representado por diferentes letras, segundo a posição: “E, COMO QUEM NÃO QUER NADA, A QUIMERA TOMOU QUINZE COPOS DE QUENTÃO.” (p. 36).
• letras K, W, Y
• elementos da narrativa os desafios – ao focar ora as personagens, ora o cenário, ora a seqüência de ações, a leitura do livro estimula a percepção de cada um deles .
ARTE
• estímulo à observação dos elementos do texto visual: ponto, linha, cor.
GEOGRAFIA
• semelhanças e diferenças entre espaços diferentes: características e nomeação. (Cf. Dica número 5 na página 62


Brincando com as palavras


 

Outras opções

A HISTÓRIA DO ALFABETO

Num lugar não tão distante existia uma família muito grande e unida: a família Alfabeto.
Como toda família, eles brigavam e também faziam as pazes.
A mãe era dona K, o pai era o seu W, e também tinha uma tia que morava junto, a dona Y.
A mamãe e o papai tinham 23 filhos. É, isso ai, 23 filhos!!!
Eram 5 meninas e 18 meninos.
As meninas eram chamadas de A, E, I, O e U.
Os meninos eram chamados de B, C, D, F, G, H, J, L, M, N, P, Q, R, S, T, V, X, e Z.
Puxa, quanto filhos não é?
Mas a mamãe e o papai não erravam os nome , nem esqueciam de ninguém.
Um belo dia, o meninos estavam muito agitados e brincando entre si, quando as meninas chegaram para brincar junto com eles. Mas os meninos não queriam que as meninas brincassem. O J disse:
- Saiam daqui, não queremos brincar com vocês!
O M rebateu:
- É isso ai, saiam daqui, essa brincadeira é pra meninos!
- Mas nós queremos brincar!!! - disse a irmã A.
- Não!!!!! Saiam daqui! - disse o H.
As meninas muito tristes ainda tentaram argumentar, mas os meninos foram muito ruins com elas.
Elas muito tristes foram chorar em outro canto de sua casa, quando uma fada madrinha apareceu e perguntou o que estava acontecendo. Elas explicaram que seus irmãos foram muito rudes com elas.
- O H foi o que mais xingou a gente! - disse a irmã I.
- É, o G e o Q também até puxaram meu cabelo. -disse a irmã U
- Mas que coisa feia esses meninos, maltratando suas irmãs. Já sei o que vamos fazer!
- O quê, o quê? - perguntou a irmã O.
- Vamos tirar a voz dos meninos para que não possam mais xingar vocês. Eles ficarão mudos. -disse a fada madrinha.
- Mas que triste! Não quero meus irmãos mudos! -disse a irmã E
- Calma minha linda. Não vai ser pra sempre. Só por 1 dia.
- Ah bom! Então tá. - irmã E disse.
E assim foi feito, a fada madrinha lançou o encanto e os irmãos ficaram mudos, sem voz, não tinham som. Queriam falar, mas não conseguiam (imitar o som do B sem a vogal e assim por diante com as outras consoantes).As meninas não riam deles, mas disseram que era uma lição, pra que eles nunca mais voltassem a xingar ou bater nos outros.
No outro dia, os irmãos já tinham suas vozes outra vez, menos o irmão H. Ele não tinha mais voz, ficou mudo pra sempre. A fada madrinha explicou que como ele tinha sido muito malvado, ele não ia mais falar.
As meninas ficaram tristes, mas a fada madrinha não quis reverter o feitiço com o irmão H.Quando todos já estavam indo embora, perceberam que os irmãos G e Q também estavam chorando. Eles também tinham ficado mudos.
A irmã U muito triste foi dar um abraço nele, quando de repente a voz deles voltou. Assim que a irmã U saiu de perto a voz sumiu. A fada madrinha apareceu e explicou que como eles tinham feito muita maldade com a irmã U, eles só conseguiriam falar perto da irmã U (GU e QU).
Assim, depois de todos os problemas os irmãos prometeram nunca mais fazer maldade com ninguém.
Papai e mamãe ficaram muito felizes com essa decisão. A partir daquele dia a família Alfabeto nunca mais brigou e viveram felizes para sempre.



Image Hosted by ImageShack.us

Mais aqui:

Para imprimir






Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios