BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

sábado, junho 24, 2017

Se essa rua fosse minha>Localização espacial /poesia e muitos afins>24/06/2017

Resultado de imagem para livro se essa rua fosse minha eduardo amos atividades

Eduardo Amos

Imagem relacionada

Proposta de trabalho
Aula sobre esta obra
AQUI  e     AQUI

Outra rua....
Paraíso
José Paulo Paes

Imagem relacionada


Geografia: Os estudos dessa disciplina envolvem as informações sobre o mundo, o espaço construído pelo ser humano e a formação do indivíduo enquanto cidadão.
Vejam a música Ora bolas
AQUI
AQUI como utilizá-la em sua aula.
Mais atividades: AQUI
Sugestão:
Uma atividade interessante é começar o estudo de Geografia com essa música do “Palavra Cantada”.
Ler o poema, depois apresentar a música e cantar com a classe.
Perguntar o que tem haver a música com o estudo de geografia.
Listar na lousa com os alunos as palavras que estão no poema e que fazem parte do estudo de geografia.
Pedir para trazer numa próxima aula imagens que representem as palavras: casa, rua, cidade, floresta, Brasil, América do Sul, continente americano, oceano e planeta.
Montar um painel com essas imagens e colocar o seguinte título: O que se estuda em Geografia?

Modelo retirado do grupo face
Ensino infantil
Também sugiro acrescentar BAIRRO

Aprendendo sobre localização,conjunto,inclusão e comparação matemática
Ensino infantil/Aula
Música Ora bolas/Palavra cantada
Outra aula
Projeto
Releitura desta música
Texto: eu no mundo

Atividades Música Ora bolas
Planejamento

Ora bola 1

Atividades: rua, profissionais que trabalham na rua,

noções de espaço na rua,bairro

Atividade : Na minha cidade tem

Aula: Eu e minha cidade
Aula: Nossa história,nossa cidade
A cidade muda



Link para essa postagem


A cidade muda>Estímulos geográficos>24/06/2017



Juca vive feliz em sua cidade, cercado pelas pessoas e pela paisagem que compõem a sua vida. 
Mas, aos poucos, muita coisa começa a desaparecer. 
A padaria, a banca de revistas, as árvores da rua. 
E as pessoas, cada vez mais silenciosas, mais estranhas. É preciso fazer alguma coisa. 
É preciso resistir. E o menino Juca resistirá, ainda que seja o último a acreditar na mudança.


Atividades/Localização/Mapa/Endereço









Link para essa postagem


sexta-feira, junho 23, 2017

A festa no céu>Sapo e tartaruga>Estímulos folclóricos>23/06/2017

Folclore é o conjunto de histórias criadas por um povo, que são transmitidas através das gerações, por livros, músicas e costumes que refletem a cultura e as tradições deste povo. Por isso o folclore possui uma importância sócio-histórico-cultural tão profunda, pois impede que as atuais e futuras gerações esqueçam suas origens. 

Seguindo esse princípio, livros como “A Festa no Céu”, da autora Ângela Lago, merecem uma atenção especial.

A autora recontou este clássico do nosso folclore utilizando-se de uma linguagem simples e objetiva. Suas ilustrações são ricas e ajudam a compor o cenário com detalhes que não estão explícitos no texto, mas que, certamente, povoará o imaginário infantil ao ler o conto. Todo o conjunto atende à proposta de nos inserir na aventura da esperta tartaruga, que conseguiu ir, sem dificuldades, a uma festa no céu, onde só havia animais de asas.


O livro conta a história sobre a tartaruga que queria ir a uma festa no céu. Só que a festa era só para os bichos que voavam, mas ela teve uma grande ideia e se enfiou dentro do violão do Urubu-Rei, e quando o urubu foi, ela foi junto.

Quando ela chegou todos se impressionaram como aquele animal sem asas tinha conseguido ir à festa!
E ela cantou e sambou a noite inteira!
A festa durou até o sol raiar e quando acabou, a tartaruga entrou no esconderijo de novo. E ficou quietinha para o urubu não perceber.
Mas no meio do caminho, o Urubu-Rei de tão contente assobiou um samba da festa e a tartaruga começou cantarolar também.
O urubu percebeu, virou o violão e a tartaruga caiiiiiiiiiiiiiiiiiu.
Então ela quebrou todo o seu casco, mas os bichos que não voavam ajudaram ela a colar o seu casco e por isso que ela tem esse casco tão remendado!


Curiosidades:

- O livro é narrado por todos os animais que não voam. Eu nunca vi um livro assim! Que legal!
- As ilustrações parecem que foram feitas de crayon e eu achei muito lindas!
- O lacinho da cabeça da tartaruga é muito fofo! rs
- Uma coisa eu estranhei é que a pavoa tem a cauda igual a dos pavões. E as pavoas não têm a cauda grande e enfeitada. *As pavoas têm as penas marrons, por isso conseguem fazer o seu ninho sem que os predadores a vejam!


Sequência didática
Aula
Atividade
Projeto
Personagens

Livro
Música
Outro livrinho
Teatro

Com o sapo
AQUI     Teatro        AQUI
Atividades
 Festa no céu com narrativas diferentes

Tem festa no céu,eu vou,eu vou

AQUI





Link para essa postagem


João bobo>Estímulos e sentimentos>João boboca ou João sabido?>23/06/2017

Era uma vez um menino que nasceu meio bobo e foi crescendo mais bobo ainda. Todo mundo zombava dele por causa disso. Na aldeia onde morava, puseram logo nele o apelido de João Bobo. Mas será que ele vai ser bobo para sempre?

Resultado de imagem para livro joão bobo atividades

Esse livro conta a história de um menino bom, prestativo, amigo das pessoas, carinhoso com os bichos, só que ele era meio bobo. 
Os outros meninos da aldeia onde ele morava puseram logo o apelido de João Bobo nele, e era  só ele sair na rua para eles começarem a cantar "Ai que Belezoca, João Bobo é um Boboca!'  - O João Bobo nem mesmo se zangava, achava que era uma brincadeira e ainda saia dançando e cantando com a musiquinha.
Então em um domingo a mãe pede que João Bobo vá ao mercado da cidade comprar uma agulha para ela. João Bobo adorou o mercado, e ficou um tempão ouvindo um papagaio tagarela. 
Ele adorou o mercado, se divertiu e comprou o que a mãe pediu.
Na volta pegou carona na carroça carregada de palha de um vizinho... Quando chegou em casa a mãe perguntou onde estava a agulha que ele tinha ido comprar, então ele conta que colocou a agulha "deitadinha" do lado dele no meio daquele monte de palha, para descansar na viagem: "Estava bom para mim, achei que ia ser bom para ela..." A mãe ensinou a João Bobo que ele deveria ter prendido a agulha no chapéu, e que assim não ia perder a agulha no palheiro.
No domingo seguinte a mãe pede que ele vá comprar manteiga no mercado: ele vai, levou comida para o papagaio, andou pelas barracas, comprou a manteiga e começou a voltar para casa. 
Na volta encontrou o mesmo vizinho, mas não quis carona, foi a pé mesmo. 
Quando chegou em casa, a mãe que estava no quintal tomou um susto, João estava muito suado! Então ele diz que estava tudo bem, que era só a manteiga, que ele tinha guardado no chapéu, bem presinha!
A mãe ensinou como era para carregar a manteiga e mandou que ele fosse se lavar.
No domingo seguinte lá foi ele ao mercado trazer um porco e foi ver o papagaio de quem ele gostava tanto, na volta João veio carregando o porco, e disse que tinha sido muito difícil carregar o porco e manter a folha de couve no alto da cabeça dele.
A mãe mostrou que ele deveria ter usado uma corda para puxar o porco, e que a folha de couve era para a manteiga.
E em mais um domingo foi ele comprar o leite e levar comida para o papagaio. E dessa vez João veio puxando a jarra de leite, que quebrou e todo leite derramou.
A mãe brigou e disse que ele não servia nem para equilibrar uma jarra de leite na cabeça!
A mãe não pediu mais que ele fosse no mercado, mas como ele tinha ficado amigo do papagaio, pediu a mãe que o deixasse ir para ver o papagaio. Quando João ia saindo, uma vizinha pediu que ele lhe trouxesse uma galinha.
Quando chegou ao mercado, o dono do papagaio deu o animal de presente para o João, pois aquele bicho era barulhento e só lhe trazia prejuízo. João ficou contente e foi comprar a galinha.
Na volta viu o carroceiro, seu vizinho, com a carroça cheia dos meninos que zombavam do João e ele já conseguia até ouvir a musiquinha, então pagou um outro caminho: chegou na casa de um fazendeiro rico, que tinha uma filha que não sabia sorrir. O fazendeiro havia prometido que quem fizesse a filha sorrir ficaria sendo dono da fazenda e se casaria com a moça.
Na hora que a moça viu João Bobo carregando o papagaio e a galinha na cabeça e no meio dos cacarejos e curupacos ele cantava e dançava a musiquinha "Ai que belezoca, João Bobo é um boboca!", ela não aguentou e caiu na gargalhada.
O fazendeiro fez o prometido, João Bobo se casou com a menina e virou dono daquela linda fazenda. Sua mãe foi morar perto dele e para sempre ele seguiu os conselhos do papagaio. Ele se tornou respeitado e agora, quando ele passa a musica que se escuta é "Ei, ei, ei! João Bobo é nosso rei!
Fonte
Livro
Atividades
Ouvindo uma história semelhante
AQUI

João não é a pessoa mais esperta do mundo quando o assunto é comprar, vender e trocar. De coração puro e com ingenuidade saindo pelos poros, ele acredita cegamente nas pessoas e no amor ao próximo. Essas características podem ser catastróficas no mundo dos negócios, mas nesta divertida história o leitor vai perceber que aqueles que parecem bobinhos são justamente os que conhecem a verdadeira sabedoria de viver

João Boboca ou João Sabido?

Maria pede para o marido João ir ao mercado trocar a vaquinha malhada por alguma coisa boa para o casal. No caminho, João troca a vaca magrinha por uma cabrita bem tratada, a cabrita por um ganso gordo e bem emplumado, o ganso por um frango gordinho, o frango por um passarinho que um dia poderia ser um bom cantor e, por fim, troca o passarinho por um saco de cocô de galinha. Quando chega ao mercado, João encontra um vizinho, também chamado João, que caçoa de suas trocas pouco inteligentes. Afoito para também tirar proveito da ingenuidade do caipira, o vizinho decide fazer uma aposta que mudaria para sempre a vida de João.
Atividades
Releitura





Link para essa postagem


quinta-feira, junho 22, 2017

A lenda da Vitória régia>Estímulos folclóricos>22/06/2017


A Amazônia é um celeiro de lendas que encantam a todos, desde os mais novos aos mais velhos. Uma lenda conhecida pelo povo indígena da região é a da Vitória-régia, flor aquática muito comum na floresta brasileira e que chega a atingir até 2 metros de diâmetro. 

Atividades
AQUI  e   AQUI
As lendas no cotidiano escolar
As lendas que encantam/aula
Maquete



Atividades Acrilex
Folclore

Projeto Amazonas
Tema: Conhecendo a vitória-régia: uma planta da região 
amazônica com muita história para contar






Link para essa postagem


quarta-feira, junho 21, 2017

Uma amizade bem colorida>O peixinho do arco-íris >21/06/2017

A importância da amizade e a partilha

Uma história que fala sobre as cores primárias e secundárias.Como elas se misturam,etc
Uma amizade bem colorida - Joelle - Álbuns Web Picasa
Livro
AQUI
Semana de boas vindas
Atividades para primeira semana de aula
AQUI
Projeto
Amigo é quem gosta de você
AQUI

O peixinho do arco-íris e a amizade
AQUI
Livro
AQUI
Sugestões de brincadeiras
Tema amizade
Atividades livro peixinho
AQUI
Aula
De onde vem o arco-íris
AQUI











Link para essa postagem


História dos lobos de todas as cores>Estímulos divertidos>21/06/2017

Resultado de imagem para livro o lobo de todas as cores atividades

Nessa história a gente descobre que existem lobos das mais diferentes cores e que a maioria deles gosta de passar despercebido numa página de livro. 
O Lobo Amarelo mora numa página inteirinha amarela, o azul numa página inteirinha azul e o vermelho idem! 
Até o dia em que o Lobo Azul percebe que seu rabo é muito longo pra ficar escondido em duas páginas, aí é um tal de lobo visitar lobo e se esconder atrás de lobo!
Eles acham que a solução está no Lobo Branco, que habita muuuuuitas páginas, afinal, maioria delas são…. brancas!
 Só que o Lobo Branco quer dar uma de espertão pra cima dos outros lobos e diz que pode escondê-los todos na sua barriga e engole todos eles!!! 
Aí entra o Lobo preto, tido como mau, que não mora em página nenhuma, afinal, é raro encontrar páginas com sua cor.
Livro

Nesta leitura há a possibilidade de trabalhar as cores, mas tem como objetivo maior a questão do preconceito.  Maravilhoso!
Era uma vez os Lobos: azulamarelovermelholaranjarosaroxoverde,marromcinzaverde-águabranco e preto.
Lobo do todo tipo
AQUI
Atividades /Artes/Faber Castel
+ Artes:  AQUI
Ouvindo a história
Brincadeira de lobo

Resultado de imagem para livro  historias dos lobo de todas as cores atividades







Link para essa postagem


Com jeito de pai>Alô papai+ estímulos paternos+sugestões de músicas>21/06/2017





Assunto específico: relacionamento entre pai e filho.

Assuntos: família; identidade pessoal.

Um menino conta como é seu pai, fala de suas atitudes, diz que ele é um ser comum, com momentos de raiva, doçura e carinho. Um pai que sabe educar e ser gentil. 

Ele é o “Pai de Todos”: da Luiza, do Júnior, da tia Lurdes, do Tonhão…
A cada dia Dudu vê seu pai de um jeito diferente. 
A ilustradora mostra essas diferenças nos brinquedos do menino.
E o abraço final é do próprio pai. Na história, brincar, ser herói, amar, ficar bravo, errar e acertar fazem parte do jeito de ser de um pai de verdade.

Livro

Alô papai!
O conto apresenta uma conversa por telefone entre pai e filho. O menino pede ao pai que lhe traga um presente após o trabalho. O pai usa a criatividade para inventar um trator com asas, um avião com remo, até um bode de óculos! O menino acha muito divertido, mas sempre contesta o pai. Afinal, qual será o presente?

alo-papai

Alô, papai!, da série Acalanto, é um conto de Alice Horn que retrará uma divertida conversa telefônica entre pai e filho. O garoto lhe pede um presente e o pai, criativo, começa a imaginar diversos tipos de diversão, como um trator com asas, um avião com remo e até um bode de óculos! Mesmo achando tudo muito legal, o garoto lembra ao pai, a cada brinquedo sugerido, que sua invenção não é possível… não é real. O que ele não desconfia é que, enquanto conversam, a surpresa está cada vez mais próxima: a chegada do próprio pai, seu maior presente. O tema retrata a importância do relacionamento entre pais e filhos, enriquecida pela imaginação e pela fantasia. As ilustrações são de Joëlle Tourlonias e a tradução de Heloisa Prieto.

Projeto Semana dos pais
Sugestão de músicas
Música P de papai
Aula/ Pinóquio
+ aulas
AQUI







Link para essa postagem


terça-feira, junho 20, 2017

Marmelo o jacaré banguelo> Estímulo em cordel+dicas pedagógicas>20/06/2017


Marmelo o jacaré banguelo
Marmelo

Um rapaz muito sabido
De codinome Zezinho
Apaixonado arriou-se
Pela filha do vizinho
Pediu socorro ao amigo
Um belo jacarezinho
Completo

O uso da poesia de cordel na educação infantil
Dicas pedagógicas+ cordel da vovó e vovô + cordel dengue





Link para essa postagem


Meu cordelzinho de histórias> + Chapeuzinho vermelho> Estímulos em rimas de cordel> 20/06/2017


Meu Cordelzinho de Histórias

As histórias que compõem este audiolivro, foram escritas em linguagem de cordel, além da proposta de entretenimento literário, podem contribuir também com o trabalho pedagógico realizado na escola, quando articuladas aos diversos componentes curriculares vivenciados em sala de aula.
Sendo assim, as histórias que compõem este audiolivro abordam temas como ética, pluralidade cultural, saúde e meio ambiente, sempre de maneira lúdica e envolvente.
Ouça as oito historinhas:
  • A historinha da aranha
  • A Festa da galinha
  • Cumpade boi cumpade bode
  • Brincadeiras populares
  • Contando a história dos números
  • Meu dentinho de leite
  • Três tatus jogando bola
  • Uma pulga na balança
A festa da galinha

Ouvindo Meu dentinho de leite

Ouçam todos

Para comprar
Temas infantis

Chapeuzinho vermelho em cordel

Aula cordel na alfabetização

Trouxe este link para professores do ensino infantil lerem a experiência de uma professora com alunos de 5 anos. Vale a pena acompanhar: AQUI








Link para essa postagem


Contando a história dos números>Cordel>Estímulos para crianças>20/06/2017


AQUI e  AQUI
AQUI

A bagunça dos brinquedos
AQUI
Ouvindo....   AQUI

literatura de cordel é um tipo de poema popular , apresentada na forma oral e impressa em folhetos, geralmente expostos para venda pendurados em cordas ou cordéis, daí a origem do nome. É bastante popular no Brasil, principalmente no nordeste e chegou até aqui com os colonizadores portugueses.  Vejam mais AQUI
Aula/Cordel/Alfabetização
No blog Mistura de Alegria encontrei o varal de cordéis bem fáceis para os pequenos.
Um deles:
Cordel do gatinho alfabetização

Confiram:  +  AQUI

Projeto
Literatura de cordel
AQUI




Link para essa postagem


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios