BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto,será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes , experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos .
Se você leu ,experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog ,ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente,assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo,por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog,não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu ,que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem- vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
OBRIGADA!
VOLTEM SEMPRE!

sexta-feira, setembro 02, 2011

Descobrindo novas texturas> artes> 02/09/11

Descobrindo novas texturas
Autor : Juliana G.S.Dias
Co-autores: Eziquiel Menta,
Rosangela Menta, Antonio Augusto da Silva Dias Neto

Objetivos
■compreender o processo de criação da tinta
■criar instrumentos alternativos para pintar
■identificar as texturas criadas por diferentes materiais
■analisar obras de pintores importantes da História da arte e diferentes técnicas
Duração das atividades
5 aulas de 50 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
■cores primárias, secundárias e complementares
■técnicas de pintura (aquarela, guache, tinta óleo, têmpera e acrílica)
O professor poderá trabalhar esse tema em conjunto com o professor de ciências abordando a origem dos pigmentos, a formação da tinta, os pigmentos existentes na natureza, etc.
Estratégias e recursos da aula
Problematização
O objetivo da aula é fazer com que os alunos experimentem diversos materiais e técnicas empregadas por grandes artistas da História da Arte e Arte Contemporânea.
Durante o processo os alunos conhecerão novas formas de ver e sentir o mundo, identificando linhas e texturas, desde os tempos da caverna até a atualidade.
Ao analisar as obras os alunos irão verificar que os artistas não utilizavam somente tinta e pincel para produzir suas obras algumas técnicas exigiam diversos materiais alternativos.
Ao apresentar a temática da aula para turma o professor deverá utilizar dois instrumentos:
■um pedaço de carvão vegetal (utilizado em churrascos)
■um pedaço de tijolo (utilizado em construções de casas)
■um pincel tradicional
Agora o professor deverá questionar os alunos o que esses materiais têm em comum?
O professor deverá levar para sala de aula uma tábua de madeira para que os alunos possam experimentar os materiais, isto é, risca-los na tábua.
Passado esse momento de experimentação é hora dos alunos conhecerem alguns artistas da história da arte e produzir seus instrumentos de pintura.
Instrumentalização
Aula 01:
O professor deverá iniciar a aula apresentando para a turma os materiais citados na problematização:
- um pedaço de carvão vegetal (utilizado em churrascos)
- um pedaço de tijolo (utilizado em construções de casas)
- um pincel tradicional
Agora o professor deverá questionar os alunos o que esses materiais têm em comum?
O professor deverá levar para sala de aula uma tábua de madeira para que os alunos possam experimentar os materiais, isto é, risca-los na tábua.
Agora questione a turma sobre a experiência de utilizar os materiais e quais outros materiais que podem ser utilizados na pintura.
 Anote no quadro as respostas dos alunos.
Agora o professor deverá apresentar a seguinte imagem para turma:


Bisão de Altamira.

 
 
O professor deverá informar os alunos que não só os primitivos utilizavam diversos materiais alternativos para criar suas pinturas, grandes artistas da história da arte como Leonardo, Michelangelo, Renoir, Van Gogh, Matisse, Pollock, entre outros também aderiram a outro instrumentos além do pincel convencional.
Para conhecer sobre as diversas técnicas utilizadas pelos artistas a turma deverá ser dividida em pequenos grupos para realizar a seguinte pesquisa: Cada grupo ficará responsável por um período da história da arte, na pesquisa terão de apontar os instrumentos utilizados na pintura e a forma como era feita a tinta.
O resultado da pesquisa deverá ser apresentado para turma.
Atenção professor!
Para realizar essa atividade reserve livros de História da Arte e Arte Contemporânea da biblioteca da escola, imagens de obras, revistas, etc.
 Primeiro os alunos deverão escolher a obra a ser pesquisada, farão um texto com uma breve apresentação do período focando principais artistas, obras e técnicas empregadas.
O professor deverá auxiliar os alunos nesse momento da pesquisa, indicando artistas, referências, complementando as dúvidas dos alunos.
Após a realização da pesquisa os alunos deverão criar uma apresentação para turma.
Sugerimos o Goog le Docs – Apresentações.
Os alunos poderão utilizar a Internet para buscar imagens das obras escolhidas e representar o período, indicando sempre as fontes de consulta.
Aula 02: Apresentação das pesquisas
Os grupos deverão apresentar para a turma o resultado das pesquisas.
O professor deverá complementar as apresentações e anotar no quadro as técnicas citadas pelos grupos.
Agora o professor deverá confrontar os instrumentos citados na aula anterior pelos alunos com os resultados da pesquisa, verificando o que é possível fazer, como pode ser adaptado o instrumento, etc.
O professor deverá solicitar aos alunos que tragam para próxima aula objetos de sucata para criar instrumentos de pintura.
Sugerimos alguns instrumentos:
■palitos de churrasco, de sorvete, de dente;
■varetas de bambu, gravetos;
■cabos de vassoura;
■escova de dente e de roupa;
■linha, barbante, durex, lã;
■esponjas, tecidos, espumas;
■papelão;
Aula 03: Confecção dos instrumentos
Antes da criação dos pincéis o professor deverá chamar a atenção dos alunos para os tipos de pincéis, ou seja, alguns pincéis produzem linhas finas, outros linhas grossas, outros são utilizados para fazer texturas, outros para preencher uniformemente determinada superfície mais rapidamente, etc.
Além do estilo dos pincéis o professor deverá alertar a turma sobre o suporte a ser pintado: uma folha de papel sulfite exige um papel mais delicado, um pedaço de madeira um pincel mais forte, um tecido ou uma tela podem ser utilizados vários tipos de pincéis, etc.
Após essa discussão os alunos deverão iniciar a construção dos pincéis.
Professor, estimule os alunos a trocarem materiais, a se ajudarem na construção do instrumento, a discutirem sobre os objetos e possibilidades de uso, o melhor aproveitamento do material, etc.
Dessa forma, os alunos poderão aprender muito mais com a troca no grupo do que com ações isoladas.
Aula 04: Apresentação dos pincéis
Os alunos deverão apresentar para turma os pincéis produzidos e suas intenções com o instrumento (produzir linhas finas, grossas, texturas, qual suporte será utilizado, etc);
Agora o professor deverá falar sobre o processo de produção das tintas.
Atenção professor!
 No recurso Tintas.
Indica o processo de criação de algumas tintas, caso não seja possível os alunos criarem as tintas na sala de aula, leve alguns exemplos prontos, como por exemplo: tinta óleo, acrílica, guache, aquarela, nanquim, etc.
E explique para turma a diferença de cada uma delas.
Tintas
Atenção professor!
Caso seja necessário, reserve mais uma aula para concluir a atividade.
Após a explicação sobre as tintas é hora dos alunos experimentarem seus pincéis.
No centro da sala disponibilize folhas de papel em diversos formatos e texturas, papelão, madeira, tecido, enfim, tudo que puder ser utilizado como suporte para pintura.
Os alunos deverão escolher os materiais e tintas e testar seus pincéis.
Aula 05: Apresentação dos resultados
O professor deverá auxiliar os alunos a montar uma exposição com as pinturas para que toda a turma possa avaliar as produções.
Cada aluno de verá apresentar a sua obra, falar sobre o pincel, a tinta empregada, o efeito esperado e a experiência de criar o pincel e a tinta.
Professor e alunos deverão complementar as apresentações.
Catarse
Os alunos deverão elaborar um texto individualmente relatando seu processo de aprendizagem: pontos positivos, negativos, dificuldades, o que ele achou mais importante, o que ele achou mais interessante, se houveram frustrações durante a construção do instrumento/tinta e como contornou a situação, se a atividade contribuiu para sua percepção sobre as texturas não só nas obras de arte como dos objetos no mundo, etc.
Esse texto deve ser entregue ao professor no dia da apresentação dos trabalhos.
Prática social final do conteúdo
O professor deverá propor aos alunos que se reúnam em duplas, onde um ficará com o olho vendado e o outro será seu guia.
As duplas deverão percorrer a exposição tocando nas obras e nos pincéis, sentindo e explorando as texturas, é interessante que os alunos vendados tentem adivinhar as texturas que estão tocando, não é necessário ‘descobrir’ toda a obra ou material.
 Após duas ‘análises’ a dupla inverte, quem estiver vendado será o guia e o guia será vendado.
Após essa dinâmica os alunos deverão expor a turma como foi a experiência, o que sentiram, se tiveram medo, se conseguiram reconhecer os materiais, etc.
Referências
ANDRADE, L. Meu pincel, minha tinta. Revista Nova Escola. Edição224 – Agosto 2009.

http://revistaescola.abril.com.br/arte/pratica-pedagogica/meu-pincel-minha-tinta-488798.shtml 

 OSTROWER, F. Universos da Arte. Rio de Janeiro: Editora Campus, 1983. 20ª. Edição.
Recursos Educacionais
Nome             Tipo

Tintas            Experimento prático

Recursos Complementares
■Texturas na arte.
■Pigmentos naturais na pré-história.
■Pigmento.
Avaliação
O professor deverá definir em conjunto com a turma o formato da avaliação e seus critérios.
É importante que os alunos façam uma autoavaliação do seu processo de aprendizagem, apontando suas dificuldades e reflexões.
Sugerimos alguns critérios de avaliação:
■participação nas discussões e atividades
■apresentação da pesquisa
■qualidade da pesquisa (satisfatória, regular, insuficiente)
■comprometimento com o trabalho
■comprometimento com o grupo
■organização do grupo
■responsabilidade com as tarefas recebidas
■respeito pelos colegas
■harmonia do grupo
■prazo de entrega
■criatividade
■capricho
■organização individual
■higiene e limpeza do ambiente após as atividades




Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Blog Widget by LinkWithin

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios